Uma semana para se pensar

Esse ano inteiro foi para ser lembrado. Se nos programas “Retrospectiva do ano” das TVs tivessem tempo de sobra para programação, precisariam resumir cada dia em 1 minuto para termos esses 365 minutos (umas seis horas de programa) relembrados. Acho que alguns dias ou fatos poderíamos passar por cima. Essas baixarias do congresso, do legislativo, do judiciário, dos políticos…

Se tirarmos isso acho que sobrariam uns 10 minutos. Os 10 fatos mais importantes. Os mais relevantes que realmente fazem a diferença na nossa alma.

Desses dez, eu pegaria só um minuto.

A infeliz tragédia dos jogadores da Chapecoense.

É um fato triste, muito triste. Mexeu com toda a cidade de Chapecó, com todos os familiares dos jogadores e jornalistas. Afetou todo o Estado, todo o País e espalhou-se pelo mundo de forma tão rápida quanto a ascensão do time da Chape. Um time modesto que saiu da quarta divisão para a primeira do brasileiro, e, de lá conquistaria a sulamericana. Foi mais longe e conquistou o mundo. Ficará eternamente em nossos pensamentos e nossos corações.

Fatos ruins. Fatos bons

O fato é que o mundo se solidarizou com a Chape. Isso foi muito positivo. Unir-se.

É muito bonito ainda ver esse lado caridoso da humanidade. É aí que ainda vemos que temos uma saída. Que nem tudo está perdido.

Mesmo quando na calada da noite pessoas que se dizem nossos representantes mas só representam a si próprios (políticos ladrões e egoístas), resolveram distorcer toda ideologia de um pedido de brasileiros que anseiam por mais honestidade, que clamam por caratér e que pedem clareza em tudo o que acontece nessa política atual.

Mas com eles (políticos) isso é fantasioso. Por isso, o foco fica somente no que o mundo nos mostrou após a tragédia. União, caridade, amor, respeito.

Que isso possa realmente ser um início para uma mudança na atitude das pessoas, nas nossas atitudes, nas ações de todos nós. As tragédias ensinam também.

Vamos focar no que é bom. E sempre ter isso em mente. Pois a todo tempo somos bombardeados por imagens, sons e atitudes que nos fazem mal.

Mesmo assim, acredite: há mais pessoas boas do que ruins.

Atitudes boas irão prevalecer. Estamos todos ligados. De uma forma ou de outra.

Precisamos continuar com essa luz acesa dentro de nós.

rclldgaaeai-eutah-mizushima

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s