GP Ravelli – Cabreúva – 2ª etapa

17 04 2012

Como eu sempre digo, não é a distância que manda. É o tempo.

Em Itu, foram 32k e eu consegui terminar com 1h29. Em Cabreúva eram “só” 28k e fiz em 2h16. Sim, 47 minutos a mais do que na etapa anterior do GP Ravelli de Mountain Bike. As diferenças? Vamos lá:

Em Itu as estradas eram mais largas e o chão mais batido. Em Cabreúva, as estradas eram bem mais estreitas, o chão um sabão, com uma areia fina que não dava aderência. Em Itu haviam muitas subidas também, mas em Cabreúva foram quase 11k de subida continua, logo de cara. Lama, galhos, e nas descidas pedras soltas e chão extremamente duro. O clima em Itu estava mais gostoso, menos calor. Em Cabreúva, tava um sol punk logo cedo e, com a adrenalina, o calor da prova e a subida interminável, tudo isso se mutiplicou. A Serra do Japi é matadora!

Mas foi uma prova muito boa no abastecimento e hidratação. Estava bem mais perigosa. Muito fácil de cair. E, eu nunca tinha visto tanta bike quebrada ou com o pneu furado. Muitas mesmo.

Essa foi a primeira prova que fui sozinho já que não iria ter prova de corrida de rua nem de montanha no mesmo lugar. Ai a Glau ficou. Fui com um camarada de pedal de Mairiporã, o Rodrigo. O cara pedala muito. Faz parte da TPS também. Ficamos num camping, o Colinas de Cabreúva, o qual não recomendamos nem a pau. Os caras só limparam a piscina faltando 2 horas para todos irem embora. E o café da manhã foi fraco. O jantar de massas foi contado pois faltou caneloni para todos. Bom, essas coisas não interfiriram na prova, que foi show.

Acabei a corrida bem cansado, mas não das pernas. Dos braços. Tava difícil segurar o tratorzinho nas ladeiras ensaboadas. Preciso trocar meu pneu para uma próxim prova. E criar vergonha na cara e comprar um pedal clip e a sapatinha de MTB. Quase perdi o tênis num atoleiro de lama, logo no começo da prova. E ai ficou a lição. Tem de investir em acessórios também.

Bóra para a próxima prova de mountain bike, dia 17 de junho, de novo em Itu.

Nessa próxima semana será a vez do XTerra. Prova de montanha de 18k noturnos. Muito gostosa de correr e muito bem organizada.

Lá iremos para relaxar. Espero!

Resultado em Cabreúva
Posição geral: 130. Na categoria (Master B Sport): 29. Tempo: 2 horas 16 min 03 segundos

Eu e o Rodrigo.

Race em Cabreúva (O Elo Perdido).

 

About these ads

Ações

Information

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: